» Notícia » COFFITO participa de 1ª Conferência Nacional de Comunicação em Saúde

No dia 19 de abril, o diretor-tesoureiro do COFFITO, e representante da autarquia no Conselho Nacional de Saúde (CNS), Dr. Wilen Heil e Silva, participou da 1ª Conferência Nacional de Comunicação em Saúde. Na oportunidade colaborou com inúmeras discussões, como a que abordou o monopólio da comunicação brasileira, realizada durante a mesa Desafios da Comunicação em Saúde.

Em sua fala, o Dr. Wilen Heil e Silva propôs o incentivo ao combate à multiplicação de matérias negativas, especialmente as que utilizam terminologias incorretas e, assim, diminuem a importância da saúde multidisciplinar. “Não devemos aceitar silenciosamente a propagação de expressões como ‘profissionais não médicos’. É necessário lembrar e valorizar cada trabalho desenvolvido pelas categorias, respeitando, assim, suas expertises e reconhecendo cada profissional envolvido em construir uma saúde digna à população”, completou.

De acordo com ele, outro ponto de extrema relevância é a conscientização da população em relação às políticas públicas e à divulgação dessas políticas, uma vez que a implementação delas pode modificar o cotidiano da sociedade e, ao mesmo tempo, tornar mais eficiente o atendimento no SUS. “Ao modificar a lógica, por exemplo, ao utilizar a Política Nacional de Práticas Integrativas e Complementares (PNPIC) ou demais políticas de promoção à saúde, pensamos em promover a saúde da população e prevenir doenças, o que pode, inclusive, diminuir gastos com remédios, internações prolongadas e, acima de tudo, suscitar a melhoria dos serviços de atendimento”, finalizou.

Para os palestrantes, os meios de comunicação detêm a forma como informações relacionadas à concepção da saúde coletiva, como direito de todos e dever do estado, são repassadas à sociedade. Em consenso, o grupo acredita na importância da utilização das redes sociais para qualificação e ampliação de um debate coeso e afim às necessidades do SUS.

A mesa foi intermediada pela conselheira nacional de Saúde, Dra. Francisca Rêgo, e contou com a participação do ex-ministro da Saúde, Alexandre Padilha; da gerente do Canal Saúde da Fiocruz, Márcia Corrêa e Castro; e da conselheira do CNS, Carmen Lúcia Luiz.

  • seta ir para o topo